sábado, 28 de junho de 2008

Jantar para amigos.

Só para constar eu já tinha escrito este post inteiro e estava para terminar quando o computador deu um pau e perdi tudo, então estou escrevendo pela segunda vez, me perdoem algum erro...risos.

Este vai ser um post fragmentado em vários outros posts porque ontem minha mãe ofereceu um jantar para umas pessoas muito queridas aqui na casa dela e eu fui encarregada, ou eu mesma me encarreguei (intrometida) a fazer tudo, coisa que achei uma delícia é claro, mas como esta história é cheia de detalhes que quero contar sobre cada receita irei contar aos poucos para vocês.

Hoje começo contando sobre a decoração da mesa e sobre os petiscos. Um dos casais convidados é vegetariano, e fiquei feliz por fazer um jantar todo vegetariano desta vez, porque nunca tinha feito e porque estou experimentando coisas novas na cozinha, aliás...tudo o que foi feito na cozinha estes dias para o jantar foi inédito para o meu fogão, quer dizer, para o fogão da minha mãe...risos.
Falando sério...petiscos, entrada, prato principal e sobremesa nunca tinham sido feitos por mim, então foi um desafio e uma delícia fazer coisas novas.

Todas as receitas, com exceção do petisco, foram retiradas do livro que sempre menciono aqui - Cozinhando para amigos de Heloísa Bacellar - que eu continuo afirmando que é dos meus preferidos.

Então vamos à decoração:
Eu passei a semana toda, com a ajuda da minha mãe, pintando um jogo de souplat para ela, porque ela não tinha nenhum, e fiz de pátina provençal para ela colocar na mesa no dia do jantar.
Além disso, usamos o jogo de jantar dela com as iniciais dela e do meu pai, toalha e guardanapos de tecido bege, sendo que os guardanapos foram presos com prendedores de imitação de pérolas. Coloquei um arranjo com primaveras brancas numa louça que minha avó pintou (foi ela que pintou o jogo de jantar também) e intercalei copos de cor caramelo com copos transparentes na mesa...ficou tido muito bonito para o meu gosto e bem aconchegante.





Os petiscos não tirei a receita de lugar algum, na verdade deduzi de uma festa que fui há algum tempo atrás...lá serviram estas torradinhas, que além de bem simples, são saborosas e fiquei imaginando o que tinha nelas (não que fosse difícil, mas tinha um sabor e aroma de alho, sem sentir muito o gosto dele), então comprei 2 baguetes e cortei em rodelas fininhas, passei dentes de alho cortados ao meio no miolo de cada fatia e depois fui colocando uma tira de tomate seco e um pouquinho de mussarela por cima. Coloquei no forno 10 minutos antes do horário combinado com os convidados para servir quentinho e acompanhar com o vinho que estávamos tomando.

Servimos 3 tipos de vinho durante todo o jantar: um Vinho de Mesa Tinto Messias (Português), um Cabernet Sauvignon Santa Carolina (Chileno) e um Cabernet Sauvignon Viñas de Barrancas (Argentino).
Amanhã eu conto mais...

Um comentário:

Fer Ayer disse...

Fer, tem mais sobre o jantar,ne?! Já estou aguardando pois adorei esta parte.Que barato voce pintar o souplat. Linda mesa. By the way, queria muito participar do teu evento da foccacia mas como sai do Brasil e já vim para Cingapura a trabalho nao vou ter tempo de executar uma receita antiga que gosto muito:focaccia e uva.vale post antigo? aguardo a tua resposta.um abraço.
By valentina - 6/28/2008 11:29 PM

Fe, que linda mesa. Muito elegante e aconchegante. O talento para o artesanato/pintura já vi que vem de família, muito talentosas as mulheres dessa família.

Beijinhos
By Filipa - 6/30/2008 4:13 AM

Valentina...vou abrir uma exceção para você por causa da viagem tá? Pode me mandar o link por email do post antigo.

Filipa, obrigada.
Beijos
By Fernanda Pereira - 6/30/2008 6:17 AM

Ai que chata!
Agora vou ficar aqui todo dia presa nesse blog esperando os capítulos posteriores!
Já fiquei com fome!
Vou fazer o petisco...
Ficou bom?
Beijo, amiga! Tô com saudades! Õwh! Pinta uma coisa prá mim? Quero levar de lembrança, ok?
By Carolina Almeida - 6/30/2008 9:26 AM