quarta-feira, 6 de abril de 2011

Me cuidando...e filosofando.

Não sei se estou reaprendendo ou aprendendo mesmo pela primeira vez a realmente cuidar de mim, só sei que estou...aos poucos.
Uma parte disso sempre está ligada com a comida, que é comer, sentir, cheirar coisas que me fazem bem...confort food. Por isso esta semana fiz este chá que comprei na minha viagem para a Disney ano passado e que acho que foi a maior extravagância culinária que fiz por lá, pois foi caro pacas (é um chá da Teavana que eles misturam lá na hora o que a gente quer). Ele é tão cheiroso e tão saboroso que me faz fechar os olhos e lembrar de coisas boas. Junto este biscoitinho maravilhoso do Mercado daqui de Guará que é recheado com mel e que eu adoro.
Uma tarde meio chuvosa, trabalho de monte no escritório, mas este carinho pra mim...foi legal.


A vida por si só não tem significado. Ela só tem significado se você puder cantar uma canção do eterno, se você puder liberar alguma fragrância do divino, do sagrado...É como uma tela, você pode continuar carregando-a por toda a sua vida e você pode morrer sob seu peso, mas qual é o sentido disso? Pinte algo na tela... (OSHO)

2 comentários:

Vicentina disse...

Olá Fer, nunca tinha ouvido falar neste chá da Teavana, pela cor parece mesmo maravilhoso.
E estes biscoitinhos que lindos...
Bjs

tina disse...

Fer, que bom que você está olhando/cuidando de si mesma! Como é bom saber que às vezes um simples chá nos conforta e nos remete a coisas boas. Parabéns! Quanto à frase do Osho, sem comentários, adoro ele!