quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Sopa de brócolis



Era uma vez uma pessoa que só tomava sopa de feijão quando era criança, e pra falar a verdade achava sopa uma coisa bem sem graça. Porque uma criança (com exceção da que eu tenho em casa que cresceu tomando sopa e AMA) gostaria de tomar sopa ao invés de comer bife e batata frita. NUNCA!!!!!

Mas esta criança cresceu assim....sem gostar de sopa...e cresceu mais um pouco....e se interessou pela culinária, mas mesmo assim fazia doces, biscoitos, bolos maravilhosos...que sopa que nada.

Esta adulta foi pra Disney e entrou num restaurante num dia muito frio onde só se serviam sanduíches (que aliás são os melhores de lá, pois não são hamburguer e eu amo), mas naquele dia devido ao frio extremo fora de época havia uma promoção.
Vc comprava o sanduiche e ganhava uma sopa de tomate.

Eu que sou absolutamente contra desperdicio de comida de qualquer natureza e que jamais iria jogar aquela sopa fora sem nem experimentar, resolvi dar uma chance.
AMOR A PRIMEIRA COLHERADA...isso mesmo...passei meses, depois da minha volta pro Brasil tentando fazer várias sopas de tomate...Já comi muitas bem gostosas, mas ainda não achei "aquela" receita...mas tenho fé.

Com todo este acontecimento, perdi o preconceito com a sopa e comecei a experimentar de tudo que me dava vontade:
mandioquinha (amei)
cebola (delicia)
ervilha (uhuuu)

e um belo dia, num hotel, tomei a danada sopa de brócolis...afe...nunca imaginei que poderia ser tão boa.
Pois eu gostei tanto da história da sopa que comprei um livro de receitas só de sopas e foi de lá que tirei esta.
E quando fiz não é que ficou IGUALZINHA a do hotel...

Venci esta...agora só falta a de tomate...mas neste livro tem uma que faço em breve.

Esta sopa pra ficar gostosa tem que ter um caldo de legumes original de fábrica...bem feito...nada de Knorr hein

Meu caldo de legumes:
125 g de alho poró picado
2 talos de de erva doce picado
1 tomate cortado em 4 partes
1 batata cortada em rodelas grandes
1 cenoura grande cortada em rodelas finas
1 cebola picada grosseiramente

Colocar tudo numa panela com 1 litro e meio de água e deixar ferver. Diminua o fogo, tampe e deixe cozinhar por 30 minutos
Coe o caldo numa peneira fina, espremendo os legumes para tirar todo o caldo e deixe esfriar em geladeira por até 3 dias antes de usar ou congele se for usar em outra ocasião.

A SOPA
675 g de brócolis
3 colheres de sopa de manteiga
2 talos de erva-doce picados bem pequeno
125 g de alho-poró picado (descartei só a parte bem verde de cima)
4 colheres de sopa de farinha de trigo
o caldo de legumes e 125 ml de creme de leite fresco.

Cozinhe os brócolis na água com uma colher de sobremesa de bicarbonato para manter a coloração verde (não deixe cozinhar demais, só até começar a amolecer)
Numa panela derreta a menteiga e coloque o alho-poró e a erva-doce para cozinhar até ficarem molinhas (cerca de 5 minutos).
Junte o trigo e mexa bem para dissolver e vá adicionando aos poucos o caldo de legumes, mexendo com um fouet para dissolver bem o trigo e engrossar o caldo e deixe em fogo médio até ferver bem.
Baixe o fogo e junte todo o brócolis já cozido e picado e deixe por cerca de 15 minutos tampado.
Pegue tudo e bata a mistura no liquidificador. Deve ficar bem areada e não muito rala.
Volte tudo para a panela, tempere com sal e pimenta a gosto e misture o creme de leite e reaqueça até servir.

Nenhum comentário: