domingo, 14 de outubro de 2012

Chocolate chip cookies e o "feliz dia das crianças"



Há muito tempo atrás eu fiz aqui no blog uns cookies de chocolate da Nigella que viraram os preferidos da vida da minha filha.
Toda vez que falo que vou pra cozinha fazer qualquer coisa, logo vem o pedido "mãe, faz cookie de chocolate?"
E pra falar a verdade nunca mais fiz aqueles, porque não gosto de repetir receitas, a não ser que eu goste MUITO.
Então resolvi procurar receitas novas de cookies pra fazer pra ela e estava em débito já há algum tempo, quando achei esta receita numa das minhas horas de viagem no Pinterest.

A receita tem um monte de ingredientes e algumas "frescurinhas" completamente necessárias, como polvilhar um pouquinho de sal antes de assar os cookies, mas eles realmente ficam deliciosos, mas ainda não ganharam da primeira versão não...eu confesso.

Mas minha filha amou, ainda mais porque as fotos para o blog vieram com dedicatória que foi surpresa pra ela. Este foi o meu "feliz dia das crianças" culinário.




Vamos à receita:

2 xícaras menos 2 colheres de sopa de farinha de bolo
 1 e 2/3 xícaras de farinha de pão      
 1 e 1/4 colheres de chá de bicarbonato de sódio
 1 e 1/2 colheres de chá de fermento em pó 
 1 e 1/2 colheres de chá de sal grosso  
 2 e 1/2 varas (1 1/4 xícaras) de manteiga sem sal
 1 e 1/4 xícaras de açúcar mascavo
 1 xícara mais 2 colheres de açúcar granulado
 2 ovos grandes
 2 colheres de chá de extrato de baunilha natural
 1 e 1/4 de xícaras de gotas de chocolate amargo
 flor de sal

Peneire as farinhas, o bicarbonato, o açúcar mascavo, o fermento e o sal em uma tigela. Reserve.Na batedeira (planetária) bata a manteiga e o açúcar juntos até obter uma massa leve, cerca de 5 minutos. Adicione os ovos, um de cada vez, misturando bem após cada adição. Misture a baunilha. Reduza a velocidade para baixo, adicione os ingredientes secos e misture até que apenas estejam todos combinados, 5 a 10 segundos. Desligue a batedeira e misture os chips de chocolate com uma colher até  incorporá-los sem quebrá-los. Coloque um filme plástico na vasilha, tampando, e leve a massa para a geladeira por 24 a 36 horas. A massa pode ser usada em lotes, e pode ser refrigerado por até 72 horasQuando estiver pronto para assar, pré-aqueça o forno a 200 graus. Forre uma assadeira com papel manteiga ou uma esteira de cozimento antiaderente. Fazer bolas com a massa (do tamanho de bolas de golfe generosas) na folha de cozimento, certificando-se de deixar um espaço entre elas, pois depois de esquentar ela vai achatar e pode grudar uma na outra. Polvilhe levemente com a flor de sal e asse até dourar, mas ainda macio, 18 a 20 minutos. Transferir folha para uma gradinha por 10 minutos, em seguida, deslize os cookies para outra grelha para esfriar um pouco mais. Repita com a massa restante, ou massa de reserva, refrigerado, para assar lotes restantes no dia seguinte.



sábado, 13 de outubro de 2012

Homus pra lembrar da Jo e do Marcelo



Nos dias que fiquei na casa da minha irmã, o que mais fizemos foi pic-nics na parte da tarde. Como lá anoitece bem tarde a gente conseguia ficar nos parques até tarde com as crianças aproveitando o sol e as comindinhas que levávamos para colocar o papo em dia.
Uma das coisas que mais comi (porque me apaixonei) foi um homus que ela comprava pronto em embalagens individuais pra gente comer com torrada, e eu comi MUITOOOO.
E das vezes que saímos pra passear com meu cunhado eu sempre tomava uma cerveja também que eu adoro lá...que é mais forte e mais encorpada.






Sendo assim, hoje me bateu uma nostalgia e fiz assim. Fiz o homus, comprei a torrada e a cerveja (esta é de Boston) e mandei ver na saudade.
A receita de homus é do Panelinha e é uma delícia.
A receita pede para vc colocar o grão-de-bico de molho, ferver, descascar...
Eu como sou uma pessoa prática ao melhor estilo Nigella Lawson, comprei os meus já cozidos, prontos pra usar, embalados à vácuo, porque ninguém merece tirar pele de grão-de-bico nesta vida...risos.


Ingredientes

300 g de grão-de-bico
suco de 1 limão
1 dente de alho descascado
100 g de tahine
azeite a gosto
sal e pimenta-do-reino moída a gosto

Modo de Preparo

Coloque o grão-de-bico numa tigela e cubra com água. Deixe de molho por no mínimo 4 horas.

Escorra a água do molho e transfira os grãos para uma panela grande. Cubra os grãos com 1 litro de água. 
Leve a panela ao fogo alto e deixe cozinhar por aproximadamente 50 minutos ou até ficar macio, mas tome cuidado para não deixar desmanchar. 
Quando o grão-de-bico estiver cozido, retire do fogo. Escorra a água, mas não toda. Uma parte dela será usada para bater os grãos. 
Retire as cascas dos grãos com as mãos e despreze-as. 

No processador de alimentos, bata o grão-de-bico descascado, o alho, o suco de limão e o tahine. Tempere com sal e pimenta-do-reino moída. Adicione a água do cozimento aos poucos e bata até obter uma pasta homogênea. O ponto deve ser o de um patê grosso.

Retire o homus do processador, coloque num prato. Se quiser, acrescente azeite sobre a pasta ou decore com páprica picante. Sirva com pão sírio.

domingo, 30 de setembro de 2012

O doce de goiaba que virou bolo e a Martha Medeiros

Acabei hoje de ler um livro da Martha Medeiros chamado "Feliz por Nada" e nele encontrei em algumas crônicas uma simplicidade de pensamentos e de modo de vida que é a simplicidade que eu tento cultivar e que quero pra minha vida, e por isso em vários momentos da leitura me peguei rindo alto em lugares públicos, ou por me reconhecer em várias situações ou por me imaginar em outras muito possíveis de acontecer.
Tem muitos pensamentos que me marcaram e tentei até citar algum aqui, mas se tirasse um pedaço to texto, ele já não teria a mesma graça do texto inteiro, então recomendo mil vezes...leiam.




E falando em simplicidade, andava meio cansada da minha cozinha, não porque não gostava mais de cozinhar, mas porque esta "moda" que pegou agora de todo mundo querer ser chef de cozinha e ser melhor que o outro, e fazer receitas mais difíceis pra mostrar do que é capaz...afe...isso me cansou.
Eu gosto do simples...lembra?
Gosto de cozinhar coisas simples, para os paladares da minha casa, para os ingredientes restantes da minha despensa, para criar.
É claro que como todo mundo de vez em quando me arrisco numa super sofisticada receita pra me desafiar...mas isso não é rotina...é exceção.
Então eu tinha um vidro de doce de goiaba que eu trouxe da minha visita lá na Vagafogo, e quando minha mãe experimentou na hora já disse que estava muito doce para o paladar dela.
Lá vou eu com o vidro pra casa pensando: "Ou eu faço alguma coisa com este doce agora que já abri, ou vai estragar. E o que vou fazer que não fique muito doce?"
Claro que peguei uma receita básica, mudei uma coisa aqui, outra ali, e usei o doce pra fazer um bolo delicioso que não durou 24 horas.




Ingredientes:

2 xícaras do doce de goiaba batido no processador com a calda até virar um purê
4/3 de xícara de açúcar
2 ovos batido
2/3 de xícara de óleo
2 colher de chá de bicarbonato de sódio
2 colher de chá de fermento em pó
1/2 xícara de farinha de amêndoa (amêndoas trituradas no processador)
3 xícaras de farinha de trigo

Misture: o purê de goiaba, óleo, açúcar e o ovo em uma vasilha e reserve.
Em outra vasilha misture: farinha, fermento e bicarbonato peneirados e a farinha de amêndoa sem peneirar.


Depois junte uma mistura na outra até incorporar.


Usei uma fôrma redonda com fundo removível, untada e deixei assar até dourar e estar completamente assado por dentro.


quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Super novidade culinária que vale um post.

Eu gosto muito de passar minhas madrugadas fuçando a net...procurando novidades. E hoje tive o prazer de achar esta idéia que achei super original e criativa.

Para uma super apaixonada por queijo como eu, delirei...pensa.

É o queijo parmesão em lápis...isso mesmo...olha só.


O kit vem já com o apontador, para você "apontar" seu queijo onde quiser.


A idéia é muito divertida






sábado, 15 de setembro de 2012

Salada Caesar com molho do Outback


A vontade de hoje era de comer só uma picanha bemmmmmmmm mal passada...risos. Os vegetarianos que me desculpem, mas só não larguei a carne de vez ainda por causa destes prazeres.




Como carne vai super bem com salada, resolvi matar minhas saudades de uma boa Caesar...alface americana fresquinha que comprei na feira hoje de manhã, croutons de alho do Pão de Açúcar, queijo ralado na hora da melhor qualidade e o molho...


MOLHO CAESAR DO OUTBACK (que eu coloco menos pimenta-do-reino)
Ingredientes:
1 xícara (chá) de maionese
1 ovo
1 xícara (chá) de queijo parmesão ralado
2 colheres (sopa) de água
2 colheres (sopa) de azeite
1 e 1/2 colher (sopa) de suco de limão
1 colher (sopa) de pasta de anchova (anchovas em conserva batidas no liquidificador e passadas na peneira para tirar as espinhas)
2 dentes de alho amassados
2 Colheres (chá) de açúcar 
1/4 colher (chá) de pimenta do reino
1/4 colher (chá) de sal

Modo de preparo:
Bater tudo na batedeira. 
Colocar em um pote e deixar descansar por algumas horas para que possa ficar mais saboroso.
Não usar queijo Parmesão de saquinho. Use um parmesão de boa qualidade ralado bem fino na hora.




Simplesmente divino e só.

Biscoito Fofo sem glúten


Família de mineiro sabe como é né? Adora um pão de queijo e um biscoito fofo. Pode morrer de azia depois, não tem problema. Toma o remédio antes e manda ver o biscoito por cima...risos.
A família do meu pai é de Alfenas e não tem um café aqui em casa que não tem pão de queijo, mas estávamos com muita saudade de comer biscoito fofo, que aqui a gente come na refeição principal.
COMO?
Faz o biscoito bem grande. Corta ele ao meio e recheia com carne de porco assada.
Pensa na delícia....só de lembrar já salivei. Um destes bem grandão cheinho de carne que acabou de sair do forno super saborosa e um sanduíche perfeito.

Tem um pedacinho de um poema que eu gosto muito que diz assim:

"Ser mineiro é ver o nascer do sol e o brilhar da lua;
é ouvir o cantar dos pássaros e o mugir do gado;
é sentir o despertar do tempo e o amanhecer da vida"
José B Queiroz

Então, em homenagem ao amanhecer da vida vamos à receita.

Ingredientes:
4 xícaras de polvilho azedo
1 ovo batido
1 colher de sopa rasa de sal
1 xícara de óleo
1 xícara de leite
1 xícara de água fria

Colocar o polvilho em uma vasilha e jogar a água. Aguardar uns 10 segundos e sovar o polvilho com a água (pegue uma quantidade e esfarele entre suas mãos até os blocos virarem pó de novo)
Ferver o leite e o óleo juntos e jogar na massa e misturar. Depois jogar o ovo batido.
A massa deve ficar bem mole mesmo.
Daí é só colocar dentro de um saquinho toda a massa, cortar a ponta do saquinho com uma tesoura e usar como bico de confeiteiro para colocar em forma levemente untada. Eu faço eles compridos (para depois rechear como pão) e é preciso colocar longe um dos outros, pois eles crescem bastante.
Eu assei em forno elétrico até dobrarem de tamanho e ficarem doutados, mas pode-se assar também em forno convencional.




segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Mini cuscuz de camarão pra cumadre

Uma das metas que eu tenho deste ano, é ter mais tempo pros meus amigos (que na verdade são contados nos dedos das mãos), pois eles merecem todo o carinho que eu possa dar nesta vida.
Sendo assim, semana passada convidei minha cumadre pra um café da tarde na minha casa. Coisa bem simples: pão, requeijão, suco natural, bombons do aniversário da minha filha e este mimo que fiz pra ela.
Os potinhos vieram da viagem pra Seattle....imagina se não veio uma mala cheia de coisas de cozinha né?



Cada um faz cuscuz de um jeito e com um recheio diferente, mas o mimo é que importa certo?
Assim como cada amigo é de uma maneira diferente e eles se complementam na arte de estar presentes na nossa vida o tempo todo.

sábado, 18 de agosto de 2012

Curso de fotografia

Estou fazendo um curso de fotografia pra melhorar a qualidade das minhas fotos, principalmente as daqui do blog, então pra testar a máquina nova fiz um "copo basiquinho" de Chatilly baunilhado com suspiro e calda de caramelo.
Que fique bem claro, foi só pra testar a máquina ok? risos


O problema é que eu fui fotografando...fotografando...e só para experimentar a  luz tirei esta foto também.


kkkkk...

quarta-feira, 25 de julho de 2012

Seattle parte 2

Fizemos MUITOS pic-nics deliciosos, cada dia num parque diferente e cada um mais lindo que o outro. Seguem alguns momentos.



Parque da Baleia




Mini-muffin de blueberry























Seattle - parte 1

Não foi nada feito por mim, mas muito apreciado durante a minha viagem!!!!
Só coisa gostosa...risos
Este foi o brunch que minha irmã me levou pra tomar no restaurante giratório do Space Needle...




Morangos com creme de manjericão 




Café americano é fogo...depois dos morangos teve brioches com peru, ovo, batatas e bacon...risos.




E de sobremesa...Tiramissu.




Space Needle visto de dentro do museu de vidro.

sexta-feira, 22 de junho de 2012

Pão de Azeitonas


Esta idéia é obra do meu pai...como cozinhamos juntos todo sábado sempre tem uma novidade e ele adora um pão, e com azeitona então...melhor ainda.
Ficou lindo né? De onde será que eu puxei o pé na cozinha? risos

Ingredientes

2 xícaras (chá) de farinha de trigo (240 g)
1 colher (sobremesa) de açúcar refinado (10 g)
1 colher (chá) cheia de sal
2 colheres (sopa) de fermento em pó
1 colher (sobremesa) de alho bem socado
1/3 xícara (chá) de queijo parmesão ralado fino (40 g)
1 xícara (chá) de azeitonas pretas cortadas em lascas (120 g)
2 colheres (sopa) de salsa fresca bem picada
2 colheres (sopa) de folhas frescas de manjericão picadas
2 ovos médios ligeiramente batidos (50 g cada)
2/3 xícara (chá) de leite frio (160 ml)
1/3 xícara (chá) de azeite de boa qualidade (80 ml) 

Modo de preparo

Em uma tigela grande peneire todos os ingredientes secos e reserve.
Em seguida adicione o alho, o parmesão, as azeitonas, a salsa, o manjericão e envolva bem. Reserve. Em uma tigela média bata os ovos ligeiramente. Junte o leite, o azeite e misture bem. Junte a mistura líquida aos ingredientes secos reservados e envolva delicadamente com auxílio de um foeut até obter uma massa lisa e homogênea. Distribua a massa em uma forma média própria para bolo inglês (22 x 10 x 6 de altura), untada com manteiga e polvilhada de farinha de rosca e asse em forno preaquecido à 180ºC até que esteja dourado.

terça-feira, 19 de junho de 2012

Assado de frutos do mar da Nigella




No mesmo programe que vi o macarrão do post anterior, também vi esta receita, que é extremamente simples, como quase todas que coloco por aqui (e acho que a maior razão de eu ser tão fã da Nigella) e tem um sabor espetacular (ainda falta uma sobremesa deste mesmo programa que fiquei doida pra fazer)
Olha que simples

Ingredientes: 
1 1/2 kg de batata (3 das grandes)
8 dentes de alho, com casca 
2 cebolas vermelhas pequenas 
1 limão 
1/4 xícara (60 ml) de azeite de oliva (não do extra virgem)
1/2 kg de mariscos na concha (eu coloquei vôngole) 
6 a 8 lulas 
700 g de camarão gigante com cabeça e casca, cru
3 colheres de sopa de vinho branco 
Sal e pimenta do reino moída na hora
2 a 3 colheres de sopa de salsinha picada








Preparo:

Pré-aquecer o forno a 220 ºC. Cortar as batatas, com a casca, em fatias grossas e cada fatia em quatro partes. Espalhar as batatas em uma assadeira grande, juntamente com os dentes de alho inteiros.
Dividir as cebolas em quatro partes, depois descascar as mesmas (também concordo com a Nigella que é melhor descascar depois de dividi-las). Em seguida, cortar os pedaços de cebola em pedaços menores. Cortar o limão em 4 partes e em seguida fatiá-lo em pedaços ainda menores. Adicionar a cebola e o limão à assadeira com as batatas e o alho. 
Regar com 2 colheres de sopa do azeite e levar para assar por 1 hora.

Enquanto isso, deixar de molho os mariscos numa tigela com água - se houver alguns esmagados ou que não se fecham depois de retirar da água, jogá-los fora. Cortar as lulas em anéis. 
Após 1 hora, retirar a assadeira do forno e levá-la ao fogo baixo no fogão, para que a mesma não esfrie enquanto se adiciona os frutos do mar.
Espalhar os mariscos, os anéis de lula e o camarão por cima das batatas, alho, limão e cebola. 
Regar os frutos do mar com o azeite restante (2 colheres de sopa) e o vinho branco e, em seguida, salpicar sal e pimenta moída na hora, a gosto. 
Levar a assadeira novamente ao forno por 15 minutos. Os mariscos deverão ter aberto e os camarões estarão cozidos. Descartar mariscos que não tiverem aberto. 
Salpicar com salsinha e servir direto na assadeira.


segunda-feira, 18 de junho de 2012

Macarrão com salame da Nigella



Num dos programas da Nigella ela faz esta receita para os filhos e amigos dos filhos, pois é uma receita gostosa, simples (com ingredientes) e que rende. E fica uma delícia. 
Gosto das receitas dela pois são práticas, sem frescura e o programa é muito bem filmado, o roteiro é uma delícia e ela come com tanto gosto que até deixa a gente com fome mesmo...risos.

Ingredientes:
salame em fatias (olhar a embalagem pra confirmar se não tem glúten se quiser fazer esta versão)
macarrão tipo sopa (do maior, não do super pequeno) sem glúten para a versão para celíacos
uma lata de tomates pelados em cubos
uma lata de feijão branco cozido
manteiga

Preparo:
Numa panela quente jogue os pedacinhos de salame cortados (usei uma bandeja daqueles da Sadia que já vem fatiados) e deixe fritar um pouquinho.
Não precisa colocar nada na panela, porque a gordura do próprio salame já solta.
Adicione a lata de tomate e nesta mesma lata encha metade com água e jogue lá também, coloque uma colher de sopa de manteiga e mexa pra incorporar.
Tempere com sal e pimenta à gosto e quando ferver adicione os feijões.
Retire meia xícara da água do cozimento do macarrão e junte no molho e coloque mais uma colher de sopa de manteiga nesta fase.
Depois é só escorrer o macarrão, misturar ao molho e salpicar queijo ralado.

domingo, 17 de junho de 2012

Peixe super prático e saudável.





Na procura para ir melhorando a qualidade da comida que como me deparei com esta "dica", pois nem receita não posso dizer que é, pois na verdade é só uma maneira de preparar qualquer peixe que você tenha na sua casa de uma maneira diferente e saudável.




Você tritura no seu processador uma quantidade de bolacha de água e sal...eu usei uma versão de biscoito temperadinho.
Daí pega o peixe (aqui na foto usei o "porquinho"), tempera com um pouco de sal e pimenta-do-reino, pincela todo ele com azeite de oliva e depois passa pelas bolachas processadas.
Depois disso coloquei numa assadeira (que nem precisa untar) e levei ao forno até ficar dourado e crocante.
Até parece que deu trabalho né? risos.

domingo, 13 de maio de 2012

Rosbife da mãe do Zeca Camargo







Desde que vi o programa Medida Certa do Fantástico e vi esta receita da mãe do Zeca Camargo fiquei com água na boca total. Parecia maravilhosa e ela foi no programa da Ana Maria Braga fazer e eu apaixonei. Como dia das mães requer uma comidinha especial, e esta ainda era uma receita de mãe, nem hesitei e corri pra ela...SEM NENHUM ARREPENDIMENTO. Nem consigo descrever pra vocês o quão saborosa ela é.


Lembrancinha que minha filha fez pra mim


Só fazendo mesmo.

1 peça limpa de filé mignon (cerca de 1 kg) amarrada com barbante (para manter o formato redondo)
Sal, pimenta do reino moída a gosto
1 colher (sobremesa) de alho picado
100g de manteiga
1 xícara (chá) de cebola picada
1 colher (sobremesa) de açúcar
1 xícara (chá) de bacon picado½ xícara (chá) de conhaque
½ litro de creme de leite fresco
200ml de leite
½ xícara (chá) de uva passa preta
½ xícara (chá) de uva passa branca
100g de queijo parmesão ralado100g de queijo parmesão ralado (para gratinar)

Tempere 1 peça limpa de filet mignon (cerca de 1 kg) com sal, pimenta do reino moída a gosto e 1 colher (sobremesa) de alho picado e com um barbante amarre a peça para que mantenha o formato redondo. Reserve.
Em uma assadeira, sobre a chama do fogão, derreta 100g de manteiga com 1 colher (sobremesa) de açúcar e doure 1 xícara (chá) de cebola picada. Acrescente 1 xícara (chá) de bacon picado e doure levemente. Assim que dourar coloque 1 peça limpa de filet mignon (cerca de 1 kg) amarrada com barbante (para manter o formato redondo) e deixe que doure ligeiramente por todos os lados, por aproximadamente 10 minutos. Vá virando a peça com auxílio de um garfo.
Assim que estiver ligeiramente dourado, despeje ½ xícara (chá) de conhaque e acenda um palito de fósforo e jogue na assadeira, com cuidado, para flambar a peça.





Quando o fogo apagar retire a peça da assadeira e coloque-a em outra assadeira e mantenha-a no forno a 180°C enquanto faz o molho.
Na assadeira onde foi dourada a peça, continue com ela no fogo médio do fogão, despeje ½ litro de creme de leite fresco com 200ml de leite e ½ xícara (chá) de uva passa preta, ½ xícara (chá) de uva passa branca e 100g de queijo parmesão ralado e deixe fervendo por mais ou menos 10 minutos até que fique um molho encorpado.
Retire a peça do forno, retire o barbante e corte em fatias finas (em torno de 1 cm de espessura). Coloque essas fatias em um refratário e remonte a peça de filé mignon.
Despeje o molho da assadeira sobre a peça fatiada e salpique 100g de queijo parmesão ralado. Leve ao forno alto por aproximadamente 10 minutos ou até gratinar. Retire do forno e morra de tanto comer...risos

MÃE...TE AMOOOOOOOOOOOOOO!!!!

quinta-feira, 3 de maio de 2012

Sopa de Tomate Assado



Friozinho chegandoe a gente não resiste a começar a fazer receitas que estão lá, com um post-it, esperando a oportunidade para ser feita não é?
Esta sopa eu já tinha achado num livro que comprei ano passado, mas não tinha feito ainda por causa do calor e esta semana não resisti.
E só pra variar, como quase sempre neste blog, a receita é de uma facilidade absurda.

Ingredientes:
8 tomates italianos cortados em quatro partes
1 cebola roxa cortada em 8 pedaços
2 dentes de alho com a casca
3 colheres de sopa de azeite
sal marinho e pimenta-do-reino moída na hora
1 litro de caldo de legumes quente
3 colheres de sopa de pasta de tomate seco (tomate seco processado com um pouco do seu próprio azeite até consistência de extrato de tomate)


Modo de fazer:
Preaqueça o forno a 180 graus. Coloque os tomates, a cebola e o alho em assadeiras forradas com papel-manteiga. Regue com o azeite e tempere com o sal e a pimenta. Asse até ficarem macios, caramelizados e levemente dourados.
Depois de frio tire a casca do alho e coloque todos os ingredientes num liquidificador.
Bata bem até ficar homogêneo, experimente o tempero e coloque mais se necessário, reaqueça e sirva quente.

segunda-feira, 26 de março de 2012

Potinhos de pêra e amêndoas

Este doce é uma coisa linda em todos os sentidos. Primeiro que meu vontade de fazer assim que eu vi, só por causa do visual assim da pera saindo do potinho, coisa bonita de se ver. Segundo porque os ingredientes são uma combinação muito legal.
Quando cozinhei as peras eu sentia o leve cheiro do gengibre na cozinha, e depois quando assei a massa podia sentir o cheiro da baunilha misturando e aquela massa crescendo bem suave, como se fosse um suflê. Bonito de se ver a transformação de ingredientes tão simples nesta peça final.


Eu nunca tinha feito um doce da Cozinha Coletiva, do Richie. Eu sei que no post dele ele menciona que esta receita ele adaptou da nossa querida Patricia Scarpin, mas eu adaptei a minha dele e a vi primeiro lá, então acho justo mencionar os dois por aqui.





Potinhos de Peras e Amêndoas
(adaptado daqui)

Ingredientes para as peras:
4 peras firmes, descascadas, cortadas ao meio e sem sementes;
1/4 de xícara de açúcar mascavo claro;
1/2 xícara de açúcar refinado;
2 colheres de manteiga;
1/2 xícara de água;
1/4 da colher de chá de gengibre ralado (eu usei o em pó).

Para o creme de amêndoas:
¾ xícara mais 1 colher de sopa de açúcar refinado [160g];
40g de manteiga sem sal, amolecida;
½ colher (chá) de extrato de baunilha;
¾ xícara (180ml) de creme de leite fresco;
2 ovos, claras e gemas separadas;
1 xícara (100g) de farinha de amêndoas;
¼ xícara + ½ colher (sopa) de farinha de trigo com fermento, peneirada [40g].

Preparo:
Em uma frigideira em fogo baixo, derreta os açúcares com a manteiga, até formar um caramelo [cuidado para não queimar, senão o caramelo amarga]. Adicione a água [com cuidado] e deixe ferver, até que o caramelo se dissolva. Junte as peras, o gengibre e cozinhe por uns 20 minutos, em fogo baixo e virando as peras, de vez em quando. Reserve.
Coloque o açúcar, a manteiga, a baunilha, o creme de leite, as gemas, a farinha de amêndoas e a de trigo na tigela da batedeira e bata até obter um massa espessa. Em outra tigela, bata as claras até obter picos suaves. Junte as claras à massa delicadamente, com o auxílio de uma espátula, misturando de baixo para cima. Divida a massa entre oito ramequins com capacidade para 150ml . Arrume uma metade de pera no meio de cada potinho e leve ao forno por 30 minutos ou até que o recheio doure e firme.
Aqui em casa eu sempre reduzo tudo para não sobrar, então fiz metade desta receita que renderam exatos 4 ramequins.



domingo, 11 de março de 2012

Torta de Castanha do Pará


Eu nunca tinha feito torta assim e confesso que me deu um certo trabalho, pois esta massa é extremamente grudenta e durante o processo tive que usar mais farinha para ela não grudar toda na bancada e no papel manteiga, mas acabou dando certo.
O acabamento não ficou tão perfeito como eu gostaria, mas fiquei feliz com a primeira tentativa.

Para o recheio:
1/2 xic de açúcar
1 colher de sopa de suco de limão
3/4 de xícara de mel
1/4 de xícara de manteiga
1 pitada de sal
2 xícaras de castanha-do-pará picadas

Para a massa:
1 xícara de manteiga em temperatura ambiente (200g)
3/4 de xícara de açúcar
3 gemas
2 xícaras de farinha de trigo

manteiga para untar
farinha para polvilhar e
açúcar de confeiteiro para enfeitar


Numa panela média, em fogo médio, cozinhe o açúcar com o suco de limão, mexendo de vez em quando com uma colher de pau até ficar caramelado. Junte o mel e a manteiga, misture e deixe ferver até obter uma calda com ponto de fio fraco (cerca de 3 minutos). Adicione o sal e a castanha, misture bem e deixe esfriar.

Aqueça o forno a 180 graus. Unte com manteiga uma fôrma de 23 cm de diâmetro com borda baixa e reserve.

Na batedeira bata a manteiga da massa até ficar cremosa. Aos poucos junte o açúcar, batendo sempre até obter uma mistura leve e fofa. Acrescente as gemas, uma a uma, batendo até misturar. Sem bater, adicione a farinha de trigo e misture até ficar homogêneo.

Coloque metade da massa na fôrma, e com os dedos polvilhados de farinha de trigo, forre o fundo e a lateral. Recheie a massa com a mistura já fria.
polvilhe a massa restante com farinha e achate-a sobre uma folha de papel manteiga. Cubra a massa com outra folha de papel manteiga e, com um rolo, abra até obter um disco do tamanho da fôrma. Tire o papel da parte de cima e cuidadosamente vire a massa sobre o recheio, e depois tire a outra folha. Corte o excesso de massa na borda e faça uns furos com um garfo na superfície da massa.

Asse até dourar.

Se quiser fazer o coração como eu fiz use um cortador de biscoito. Tire a massa do centro do cortado e mantenha-o no buraco durante o tenpo que estiver assando, tirando só depois que a torta já estiver fria.
 

sexta-feira, 9 de março de 2012

1a. Harmonização Virtual do Rocambole - Participe!!!



Eu sempre gostei de propor alguns desafios aqui no blog. Fizemos durante muito tempo desafios que tinham temas diferentes a cada período, como doces finos, geléias etc. E fiz também duas semanas de reaproveitamento integral de alimentos que foi um sucesso, cheio de receitas criativas e deliciosas.

Desta vez, como estou aprendendo mais sobre vinhos e como já partitipei uma vez de uma harmonização virtual e achei bem legal, resolvi fazer por aqui também.

É bem simples.

Você manda um email para fgayer@hotmail.com com o seu nome e o título "1a. Harmonização Virtual" e torna-se seguidor do blog na aba lateral e vai receber por email as instruções de como participar.

Esta harmonização será patrocinada pelo site



onde você poderá encontrar os vinhos que vamos usar aqui para comprar via internet.
E para tornar as coisas mais interessantes, vou sortear entre os participantes um presente que será enviado pelo correio pelo próprio Clube Vinogourmet.



A nossa harmonização terá seus resultados publicados em 14 de abril, então há bastante tempo hábil. Mas não deixe pra última hora pra descobrir qual o desafio ok? Estou aguardando seu email.

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Bolinho cremoso de cacau e cottage - fácil, chique e delicioso!


Sexta-feira é meu aniversário e eu não queria fazer bolo de aniversário igual todo ano, que dá um trabalhão e sempre sobre um monte, então vi esta idéia na capa da Claudia Comida deste mês e foi minha salvação.
Primeiro porque é um bolinho individual e na medida certa.
Daí você pensa..."mas se você não queria ter trabalho vai fazer bolo individual???"
A hora que vocês olharem a receita vão entender...bate tudo no processador, ingredientes fáceis (e não muito engordativo, o que é ótimo) e assa em forminha de muffin. Pronto, me apaixonei pela receita.
Segundo porque é uma delícia!!!



Ingredientes:
2 xícaras de queijo cottage
2 ovos
1 xícara de açúcar de confeiteiro
1/3 de xícara de cacau em pó (de boa qualidade)
2 colheres de sopa de farinha de trigo
1 e 1/2 colher de chá de essência de baunilha
Manteiga para untar
Cacau em pó para polvilhar

No procassador bata todos os ingredientes por três minutos ou até obter um creme bem leve.
Distrobua entre oito forminhas de alumínio para muffin untadas com manteiga e polvilhadas com cacau em pó.
Asse em forno baixo (135 graus) preaquecido, por 25 minutos ou até que a massa fique firme.
Deixe esfriar sobre uma grade e leve para gelar, por no mínimo 2 horas.
Desenforme os bolinhos (se for necessário aqueça ligeiramente o fundo das forminhas) e sirva-os polvilhados com cacu em pó.
Rende 8 bolinhos.

Eu servi também com chantilly e ficou maravilhoso.