sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Rabanada assada segunda versão e resgatando conversa de valor!!!




Vamos falar primeiro do que eu chamei de "conversa de valor". Os 40 anos chegaram em 2014 e com eles vieram tempos de mudança, tempos difíceis, tempos de perder muita gente que nunca esteve ali, mas tempo de pensar no que realmente deveria ficar ou chegar.

Não sei se vocês estão me entendendo bem, mas quem já passou por isso em qualquer idade sabe bem o que é...é aquela fase da vida que você atinge sua maturidade, mesmo achando que já tinha alcançado há muito tempo.

Você se dá conta de que ainda não tinha percorrido um longo caminho.
Eu comecei a percorrer este caminho em 2014 e estou bem longe de ver a linha de chegada ainda, mas eu não desisti ainda.

E no começo do caminho eu fui ficando sozinha, primeiro por opção dos outros (porque muita gente não seguiu comigo) e depois por opção própria, já que achei que não valia me desgastar. Mas uma parte do caminho foi percorrida e me vi de novo (e agradeço profundamente por este esclarecimento) com vontade de me relacionar com pessoas de bem, pessoas que me agregassem, pessoas que trouxessem bagagem, conversa inteligente, compaixão pelo outro, gratidão por quem já esteve no seu caminho fazendo o bem, enfim, gente de valor com conversa de valor.

Por isso decidi fazer um café na minha casa esta semana depois de muito tempo sem "receber" alguém aqui (entenda-se receber pra algo preparado e com um convite). E pretende estender estes cafés por muito tempo com mais pessoas que me conquistaram mas que não posso chamar de uma vez só porque a casa e a mesa não comportam. Vou me divertir e me doar à prestação.

O primeiro café da tarde foi hoje e pra ele resolvi fazer a rabanada assada que vi no face do Alessander Guerra e que tem tudo a ver com a época e me conquistou. A receita é simples, fácil e foi só um carinho mesmo pras minhas visitas que eu apreciei tanto. Adaptei algumas coisinhas da receita mas vc pode fazer as suas adaptações também.


Rabanada Assada

2 baguetes grandes de pão amanhecido pra rabanada (encomendei na padaria)
2 xícaras (chá) de leite (ou o suficiente para molhar as fatias de pães)
1 lata de leite condensado
3 ovos batidos
1 pitada de canela
baunilha à gosto
açúcar para polvilhar


Modo de Preparo

Corte os pães em fatias médias.
Em um refratário, misture o leite com o leite condensado e a baunilha e mergulhe as fatias de pão, até que elas estejam bem molhadinhas. (Não corte o pão muito grosso senão o meio fica seco)

Em outro refratário, bata os ovos e coloque 1 pitada de canela. Passe as fatias molhadas de leite nos ovos batidos.

Em uma assadeira, sobreponha os pães e leve ao forno pré-aquecido à 180 graus até dourar.

Ao retirar do forno, polvilhe com canela e açúcar.


2 comentários:

Ligia disse...

Ficaram lindas as rabanadas assadas. Obrigada por partilhar conosco. Bjs e 'Feliz Festas'.

Fernanda Ayer disse...

Ligia
Obrigada e ótimas festas tb pra vc e sua familia